domingo, setembro 04, 2011

Queer pop (4/30): Pop Dell'Arte


Querelle (1991), dos Pop Dell'Arte 
Realização de José Pinheiro 

Contam-se pelos dedos das mãos os episódios “queer pop” na história visual da música popular portuguesa. Pelo que merece devido destaque o trabalho dos Pop Dell’Arte que, desde meados dos 80, tem experimentado por várias abordagens a iconografias associadas à cultura LGBT, como disso são exemplo as capas de alguns dos seus discos, projeçcões em palco ou mesmo telediscos.

Querelle foi editado como single em inícios de 1987 (num formato de 12 polegadas) contando com Mai 86 no lado B). O tema gerou, quatro anos mais tarde, a criação de um teledisco, realizado por José Pinheiro e pelo qual passam alusões ao filme de Fassbinder (baseado no livro de Genet). Esta seria a primeira ocasião de trabalho conjunto entre o realizador e os Pop Dell’Arte, que se reencontrariam, depois em Ballad Of Lilly-O (1992, em realização co-assinada por Vítor Rua) e My Funny Ana Lana (1995).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Assine, sempre que possível, o seu comentário.