domingo, fevereiro 15, 2009

:Revolutionary Weelers


Descansem, não é outro mês a promover o Milk nem a minha ausência (até porque já tenho Internet). Até começo a suspeitar que já me odeiam aqui na Internet:P De qualquer das formas, vai aqui um daqueles posts fáceis de se escrever, sem tema central, próprio de um trash blog que andam em voga.
Filmes. Tal como a Take ou a Premiere se afigura este mês, dedicando à actriz estrondosa que é a Winslet destaques que reconhecem o seu talento, eu também devo começar por ela. Vi o Revolutionary Road e O Leitor e apercebi-me que, mesmo depois de um Pecados Íntimos servido cru e, mesmo assim, delicioso, depois de um memorável e magistral Titanic, ou depois de todos os outros filmes (uns bons, outros nem por isso) em que ela surge, Kate Winslet veio para marcar a sétima arte. A sério, não acham? Que continue o trabalho que eu vou estar atento a novidades. E Revolutionary Road é uma autêntica obra-prima.D Ainda me assombram os últimos minutos... Depois, se não vos faleia inda, falo-vos agora: E Tudo o Vento Levou é maravilhoso, na verdadeira acepção da palavra. E ainda é difícil descrever como gostei do filme. Muito provavelmente, vou fazer crítica no Pipocas. Ah, quase me esquecia: podem-me falar do "The Tree of Life",  de Terrence Malick que vai contar com a participação de Sean Penn e de Brad Pitt? A sinopse no IMDB é demasiado vaga, os géneros prometem, mas com que posso contar? Alguém me pode dizer? Quanto a filmes a ver brevemente, o My Blueberry Nights está como prioridade. Há muito tempo que ando a adiar a sua visualização :p

3 comentários:

  1. MILK é uma obra-primorosa.

    Visto o perfil, são muitos os filmes preferidos em comum. Parabéns pelo bom gosto :p

    Estou a acompanhar as novas do novo filme de Terrence Malick, assim que souber de alguma coisa, passo por cá.

    Obrigado pela passagem pelo CINEROAD, sois bem-vindo.

    Cumps.

    Roberto F. A. Simões
    CINEROAD

    ResponderEliminar
  2. Roberto,

    Obrigado pelas visitas e comentários. "Milk" é, sim, estrondoso a vários níveis. Já estás nas leituras obrigatórias.

    Fica bem

    ResponderEliminar
  3. Então Flavio? Dizes que o Rev Road é uma obra prima e só lhe das 8? Como é pah? eh eh

    Sem dúvida que ela veio para marcar e espero que marque durante muito, muito tempo. Ela e a Cate Blanchett.

    Abraço

    ResponderEliminar

Assine, sempre que possível, o seu comentário.